Newsletter
 

__
Entrevista

Leiv Motiv

08/04/2015

A dupla Fábio e Emiliano é grande destaque da música eletrônica na Argentina.





Como foi a escolha deste nome para o dueto e o porquê ?

A mãe de Emiliano iria colocar este nome em um restaurante, e como estávamos à procura de um nome para a dupla, foi ela quem sugeriu e eu aceitei de imediato.

Desde quando surgiu o interesse de vocês por sintetizadores e em compôr música eletrônica?
R: Os dois desde pequenos!!! Era um som que nós gostamos quando ouvimos em uma rádio ou em um disco de um membro da família ou amigo. Nos juntamos então quando descobrimos o gosto musical em comum.

Falando em compôr, são vocês mesmos que compõem as letras e arranjos ?
R: Isso mesmo! Todos os nossos temas são compostos por nós, geralmente as letras são compostas por mim,Fabio, e a composição de som e arranjos pelo Emiliano. Concordamos que esta é melhor forma divisão para compor.

Na questão sonora, qual a característica mais marcante do Leiv Motiv?
R: Que nós mesmo criamos nosso som, algo que é difícil de alcançar n este estilo de música. Acreditamos que quando alguém nos escuta, tanto na parte sonora como no vocal, consigamos algo que nos diferencia do resto.

Conte-nos como é a aceitação do público aí na Argentina em relação ao Synthpop, tanto na questão de programação de rádios, como em festas, eventos, etc..
R: Existe locais em Buenos Aires onde o Synthpop se destaca. Há muito boas bandas de synthop e eletrônico na Argentina e temos tido a sorte de participar de eventos importantes, como parte do, Depeche Mode Tribute Argentino, com bandas reconhecidas de nosso país e também de tocar nas principais rádios da web que transmitem esse gênero .

Gostaríamos que citassem uma banda ou artista dos anos 80 e outra dos 90, que vocês consideram de suma importância para o synthpop e o porquê ?
R: Dos 80', sem dúvida, é o Depeche Mode, porque é a banda que mundialmente mais influenciou o uso dos sintetizadores. Dos90 ', incluímos,Bjork, por sua contribuição eletrônica experimental que chamou nossa atenção.

Como foi a idéia de criar o video da canção, "Entre Tus Brazos"?
R: Acidentalmente. São cenas aleatórias, vimos se encaixando bem em preto e branco e, quando combinado com a música (que fala de querer estar com "ela" e porque nas imagens aparece Emiliano à procura de "Ella") nós gostamos. Mas na realidade mesmo Emiliano "procurava" trabalho, e eu,Fabio, o filmava. hahaha !!

Qual a principal dificuldade encontrada para manter-se na ativa fazendo este estilo musical nos dias de hoje?
R: Apesar de ser um país roqueiro, há muita abertura musical, muita variedade. Felizmente, existem lugares e eventos para jogar estes estilos de música. Sem aceitação da massa ou comercial, mas é certo que nós podemos dizer que não há nenhuma dificuldade. Há uma grande quantidade de pessoas devotas, fãs de synthpop .

Das vertentes que o synthpop trouxe para a música eletrônica, citem uma da preferência de vocês e outra que não lhes agradam de maneira alguma ...
R: Ambos coincidemosos gostos em muitos estilos e bandas como, Depeche Mode, Erasure, New Order, Camouflage, etc... Emiliano acha atraente em tudo relacionado com o eletrônico; Fabio no entanto, para dar um exemplo, não gosta do gênero "industrial".

Qual pode ser a expectativa do público em relação a novos trabalhos do Leiv Motiv ?
R: Seguir melhorando tanto na questão sonora como em nossas apresentacões. Compor e agregar elementos para a música sempre é a melhor coisa que fazemos. Espero que possamos chegar a visitar o Brasil!

A palavra é de vocês:
R: Em primeiro lugar agradecer a vocês do synthpop.com.br, por nos convidar e dar-nos espaço para mostrar a nossa música e nossos vídeos. Agradecer aos AMIGOS da Argentina que nos apoiam em todos os momentos: Arnaldo Speranza "Dr. Disco", Richard de La Trashnoche, Chrisfeld, Ernest (subjetivo), Karina, Mariel e Christian, New (Art Nouveau), Marianela e Gisel. E a todos aqueles que nos seguem e nos ouvem. MUITO OBRIGADO.

 

Contato:

Facebook:
https://www.facebook.com/leivmotiv?fref=ts

MySpace:
https://myspace.com/leiv-motiv



Ir a página de entrevistas